sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Feira “Saldos de Stocks”

Como forma de contribuir para atenuar as dificuldades do comércio do concelho, a Câmara Municipal de Estremoz inaugurou hoje a 1ª edição da Feira “Saldos de Stocks”. O certame decorrerá até domingo, dia 8 de Fevereiro, no Parque de Feiras e Exposições da cidade, e conta com a participação de cerca de 40 expositores de diversos ramos da nossa economia.
Apesar de estarmos a viver dias difíceis, penso que esta poderá ser uma boa oportunidade de negócio tanto para os comerciantes como para os estremocenses. Logo nas primeiras horas havia muita gente já a comprar, até porque os artigos se encontram a preços muito apetecíveis e, na sua maioria, com reduções superiores a 50 por cento. Esta é efectivamente uma verdadeira Feira de Saldos!
Para o ano, e se esta 1ª edição decorrer de forma positiva, penso que se poderia tentar aumentar o número de expositores e também apostar-se um pouco mais nos espectáculos.
Se puderem passem por lá!
Tive também a oportunidade de falar com diversos comerciantes locais e de lhes colocar duas questões:
1. Como se encontra o comércio local?
2. Quais as expectativas para esta f
eira?

Elviro Silva
“Kaos Fashion Store”

1. O comércio está muito mau. Estamos numa cidade de interior e as “ModaAlfas” e as “Wortens” têm rebentado com o resto.
2. Sinceramente, espero muito pouco deste feira. Sou muito pessimista e, por isso, prefiro ter uma boa surpresa do que uma desilusão!








Elsa Borbinha
“Encantus”

1. O comércio local está fraco!
2. Penso que este género de iniciativas irão ajudar o comércio. Temos aqui oportunidade de divulgar os nossos artigos e de escoar algum stock.









Manuel Veiga
“XL Fashion”


1. O comércio local está a passar por grandes dificuldades. Devido às novas estruturas (Modelo) está-se a perder o comércio tradicional.
2. Tenho boas expectativas para a feira, apesar de ter sido um pouco tarde.







20 comentários:

Incrédulo disse...

"...40 expositores de diversos ramos da nossa economia..."

Divida por quatro encontra o número.

Nota: Exitem certames que faz todo o sentido cobrar entradas, este é daqueles que de forma alguma se deveria cobrar.
ESTREMOZ MARCA pela -(negativa).

Anónimo disse...

Bilhetes para venda esgotados às 15horas!!!! Comprei, adorei! Muitos preços baixos e uma feira completamente diferente do que tenho visto até aqui. Parabéns.

Anónimo disse...

Não apoiei esta Câmara com o meu voto, mas tiro o chapéu à iniciativa e era ver o povo todo a comprar num espaço cheiinho de gente,. Parabéns CME

Anónimo disse...

Esta foi uma boa lição para todos aqueles que criticaram este evento e que tinham esperanças que corresse mal. as contas sairam-vos furadas...

Anónimo disse...

Volto a dizer que me surpreendeu positivamente toda a organização e acompanhamento que deram ao evento pois ainda no final da noite de sabado seriam cerca das 23 h lá andava um elemento da cme a perguntar aos expositores como tinha corrido, mostraram preocupação e estão de parabéns. P.S. Não votei ps

Anónimo disse...

Gostei da feira, mas alguns expositores não deveriam estar numa feira destas ou os chocolates tb estão em saldos...

Anónimo disse...

Para o incrédulo:

achas que só lá estavam 10 comerciantes???

As borlas do tempo do Mourinmha acabaram. Vais a Elvas ou a Portalegre e pagas e cá não queres pagar...

Mais um comunista ressabiado...

Anónimo disse...

Muito bem, mais uma para continuar.
parece que surpreendeu muita gente e ainda bem que assim foi.
já soube tb que alguns dos expositores que desistiram (vá-se lá saber pq!), neste momento, já se mostraram arrependidos. concerteza numa proxima haverá mais adesão ainda.
ESTREMOZ MARCA pela +(positiva).

Nota: continuo a achar que 1 € é simbolico. o reclamar da cobrança, cheira-me a "dor de cotovelo"!

Jorge Pereira disse...

Atenção aos comentários ofensivos!
Não vamos baixar o nível deste blog, por favor!

Anónimo disse...

muito fraquinha,à capacidades para se fazer melhor. não direi que estão nem 10 nem 40 expositores, mas realmente poderia ser muito mais.

A Bolotinha disse...

...tb estive presente, e tb eu aproveitei os saldos!!! Agora era aproveitar a ideia para uma feira de saldos de Verão!!!

Anónimo disse...

Mais uma aposta ganha, por favor deixem de criticar tudo quanto se faz em Estremoz, só porque a CME é PS, Vamos lutar pela nossa evolução, deixem as iniciativas aparecerem, nós estremocenses precisamos destas iniciativas.E já agora se vamos a outras terras, e pagamos porque é que não podemos pagar na nossa...Parabéns SR. Presidente, e ESTREMOZ MARCA e pela positiva.

JRS disse...

Este fds em Estemoz foi marcado pelos saldos, sim a feira de saldos que a todos marcou.
1º adesão, não foram muitos os expositores, foram sim os audazes que deram por muito bem empregue o seu tempo.
2º público, os corredores estiveram sempre cheios, e a animação também foi uma constante
3º dinâmica, um feira de saldos em que até tinha diversão para aqueles de quem mais gostamos (falo dos nossos filhos)
4º preço, a simbologia do número levou a muitos visitantes multiplas visitas
5º organização. a CME está de parabéns, o apoio ao comercio local foi feito, e foi lançado mais um evento como diria alguem "condenado ao sucesso"
Aguardamos até ao verão pela 2ª edição

Anónimo disse...

Ao Anónimo 8 de Fevereiro de 2009 17:56, muito fraquinha?? o quê?? a sua cabecinha?? essa sim deverá ser muito fraquinha, porque se está a falar da Feira dos Saldos, acha que 7.500 pessoas (fonte: www.estremozmarca.com) é fraquinha? acha mesmo? com franqueza, todos dizem que foi um autêntico sucesso.

Anónimo disse...

quando falei em fraquinho, estava a referir-me aos expositores, que na minha opinião,quando digo isti é para se fazer melhor no futuro, podem ser muitos mais porque existe capacidade e espaços para o fazer. não me estava a referir aos visitantes. fraquinha é a sua cabeça, porque qualquer coisa que se diga,para pessoas como voçê,estamos sempre a criticar a organização e não foi isso que fiz, só acho que se podia ter feito uma coisa maior, com mais postos de venda.

Anónimo disse...

Boa tarde,

é notório que o comércio tradicional está fraco, mas para isso culpar as grandes superficies??

o que está a acontecer em Estremoz é apenas aquilo que acontece em Portugal, os comerciantes têm medo de investir, de pensar um pouco mais além, a culpa da loja de bairro não vender não é das "Modalfas", das "Wortens", das "Radio Popular", etc, é sim dos dos comerciantes que pensam apenas no lucro.

Anónimo disse...

pois pois todo o comerciante se queixa, mas os indices de riquesa notam-se na maioria...

Leopoldina G. disse...

é verdade e eu que até falei com 1, que se queixava que não tinha vendido quase nada e por outro lado a mulher dele a dizer que não tiveram mãos a medir e que despacharam o stock quase todo. Em que é que ficamos? Perceberam? E dp é vê-los com brutas casa e carros. Topam? Parabéns à CME.

Anónimo disse...

e já que era uma feira para apoiar o comercio,a camara não deveria apenas ter o lucro das entradas. é que cobrar 40€ pelo espaço sem saber se vai dar lucro,deixou muitos comerciantes de pé a traz e nos dias que correm as pessoas tem medo de arriscar. foi mais uma feira que apesar de ser uma excelente ideia, o maior lucro que deu,foi mesmo a camara.

Anónimo disse...

Bom dia

Muita barbaridade se lê nestes comentários. É claro e óbvio que muitas das pessoas que teceram aqui alguns comentários não são comerciantes. Pensar que os comerciantes se queixam e que podem combater grandes superfícies é pura alucinação. A feira foi sim senhor uma boa iniciativa que eu tive todo o prazer em participar e que posso dizer que correu muito bem. Mas se querem uma opinião para aqueles que dizem que o comercio tradicional pode combater com as grandes superfícies, façam um exercício. Em vez de irem pra Badajoz e pro Modelo nos sábados de tarde, passem plas lojas do comercio tradicional e não nos deixem ás moscas. Ou querem que os lojistas vos vão buscar a casa ?? Boas compras !!!